Racismo estrutural e direito à desestratificação: um estudo a partir das relações de trabalho

Código: 978-85-9530-398-0 Marca:
3x de R$ 19,96
R$ 59,90
Comprar Disponibilidade: Imediata Aproveite! Restam apenas 3 unidades
    • 1x de R$ 59,90 sem juros
    • 2x de R$ 29,95 sem juros
    • 3x de R$ 19,96 sem juros
  • R$ 59,90 Boleto Bancário
* Este prazo de entrega está considerando a disponibilidade do produto + prazo de entrega.

O racismo estrutural é um termo que se refere a um sistema de opressão cuja ação transcende a mera formatação das instituições. Ele transcende o âmbito institucional, pois está na essência da sociedade e, assim, é apropriado para manter, reproduzir e recriar desigualdades e privilégios, revelando-se como mecanismo colocado para perpetuar a desigualdade racial. Nesta obra, de forma ousada, Bersani toca em dois conceitos chave para entender a realidade brasileira: o do racismo estrutural – que hoje vem sendo apropriado de forma mais intensa pelo movimento negro após o duro aprendizado dos limites da participação institucional em um Estado capitalista – e o de estratificação do trabalho. Assim, Bersani não só confronta abertamente com o mito da democracia racial brasileira, mas apresenta argumentos que enfrentam a ideia de que o racismo se reduz meramente a comportamentos preconceituosos disfuncionais, que poderiam ser coibidos por meio de legislação e políticas públicas.

Autor: Humberto Bressani

3x de R$ 19,96
R$ 59,90
Comprar Disponibilidade: Imediata Aproveite! Restam apenas 3 unidades
Pague com
  • Pagar.me V2
Selos
  • Site Seguro

LETRAMENTO EDITORA E LIVRARIA LTDA - CNPJ: 19.916.663/0001-89 © Todos os direitos reservados. 2021